1 de jun de 2010

Namorados podem ser Cumplices?


Hoje eu vou falar sobre um assunto que sempre me deixou confusa.
Num relacionamento além dos momentos de amor e carinho, existe também os momentos  em que o casal troca idéias, experiências e outros assuntos.
Isso faz parte de um casal e é totalmente normal.
O que me deixa pensativa e acredito que muitos também é o fato de poder contar tudo ao parceiro.
Você conta do seu dia, das coisas boas e ruins que aconteceram, ou algo da família talvez, e vem alguns outros assuntos a mente.
Sua amiga deu um perdido no namorado. A língua coça pra falar, não pelo fato de querer falar da vida alheia, mas querendo ou não, existe intimidade no namoro e, pelo menos pra mim, meu parceiro acaba virando um grande amigo e da aquela vontade de contar as novidades.
Como isso vai soar na cabeça dele? E quando você for sair com sua amiga, será que ele vai confiar?
Digamos que um cara ficou de olho em você, não parava de te olhar.
Deu aquela vontade de contar pra ele?

Será que vale a pena contar TUDO pra ele (a)?
A experiência me mostrou que não se pode contar tudo.
Tem coisas que devem ser guardadas com você.
Por que falar pro seu parceiro que você tem uma amiga que trai o namorado? Se você gosta dela e isso não interfere na amizade, pra que colocar a barba dele de molho sem necessidade?
Se um cara te paquerou na rua pra que ir contar isso? Pra arrumar confusão?
Sou a favor de deixar de contar, ou melhor, dizendo, omitir coisas pequenas e que não vão acrescentar nada na relação de vocês.
Sou contra esconder coisas serias, como traição, perdidos pra ir na balada ou ate coisa pior.
Se você quer ter relacionamento, deve sim satisfação e respeito pela pessoa que esta ao seu lado.
Esconder coisas sérias é o mesmo que se enganar, e ninguém gosta de ser feito de bobo né?
Ser sincero e conversar coisas que acrescentem coisas boas a relação é super valido!
Agora me fale de você!
Como você divide sua vida com meu parceiro (a)?

Pra você que me ama.

Madame Muááá




4 comentários:

Boneca de Pano disse...

Concordo com vc Madame Muáá..
E a experiência tbm me mostrou isso...
Coisas pequenas que podem trazer confusão é melhor nem contar.

Beijos!!!

Hakime Goul Djounoubi disse...

Será que o meu comentário será o primeiro? Hahaha, parece que sim, né, adoro comentar em primeiro lugar, hahaha.

Olha, Madame Muááá, bom o texto, muito bom. Eu também já pensei nisso, muitas vezes. Acho que namorado, marido, companheiro... sempre é bom ser franco, conversar as coisas abertamente. Mas, empatia também sempre! Tem que compreender o outro e não dizer nada que vá ferir, machucar, ou mesmo preocupar à toa. Só que tem coisas que é preciso dizer (como tu mencionas aqui, as coisas que acrescentarão algo à relação).

Esconder um facto sem motivo acho uma coisa muito feia.

Eu nunca tive muitos relacionamentos, mas me conheço e sei como sou. Não sou de contar tudo, mas nunca deixo de conversar sobre todos os assuntos, e se me perguntam algo, eu respondo sim, sem problemas. E sinto-me mal se quem está do meu lado não se sente à vontade para conversar comigo, eu cobro misso! Porque com certeza é uma coisa que eu dou, e com prazer. Quando se gosta, sinceridade faz parte do amor.

Eu tenho um amigo que é indiano, o nome dele é Chandan (pronúncia: "Tchandãn"), que é de Calcutá. A esposa dele vive na Índia com a pequena filha dos dois, e eu sei que ele a ama muito. Porém, e não sei se isso faz parte da cultura dos hindus, ou se é algo pessoal, ele sempre diz que não conta tudo à mulher, diz que não se deve fazer isso. Seja algum problema de saúde, seja alguma questão financeira. Acho um pouco exagerado da parte dele, pois ele fala sempre demais com ela ao telefone, mas só coisas superficiais não vale!

Cada casal é diferente, e eu acho que o que tu escrevestes é a base. Contar tudo, sim, mas saber como contar, eu resumiria.

Abraços, Madame Muááá.

Sac do Amor disse...

Madame Muááá

Em uma relação se não existe confiança e amizade acho que não vai muito longe, mas devemos sabe o que contar e não contar para não preocupar à toa, mas sempre ser sinceros e amigos. Tb aprendi com a vida que o melhor é agir dessa forma, não adianta enganar as pessoas pq não podemos enganar a nós mesmos. Bjs Madame X

Alyne disse...

Bom, eu sou completamente contra contar tuuudo ao parceiro. Penso que precisamos avaliar se o que vamos dizer é de fato algo que vá servir de lição, acrescentar. É necessário ter em mente que namorado, é namorado...isso não quer dizer que não seremos tb "amiga"...mas veja, ser amiga de namorado não é como ser amiga de amiga..rs. O fato é que não dá pra contar tuuuudo...isso estressa e acaba muitas vezes expondo algumas pessoas.
Enfim...até na hora de falar com o parceiro..precisamso ponder...isso pode ser essencial para manter uma boa relação.