26 de jul de 2010

De bem com você


Para estarmos de bem conosco devemos em primeiro lugar nos aceitar como somos, tanto por dentro como por fora. E acredito que tudo começa na nossa cabeça. Se acreditamos que somos capazes, felizes e bonitos, seremos capazes, felizes e bonitos. A mudança verdadeira deve sempre vir de dentro para fora.

Ao invés de reclamar do que não gostamos em nós, que tal começar a realçar nossas qualidades, nossos pontos fortes e disfarçar nossos defeitos, para mais tarde tomar uma atitude e mudar completamente as coisas que não gostamos em nós, seja fisicamente ou interiormente, nada vai mudar se você ficar só reclamando, faça alguma coisa, você é responsável por sua felicidade e mais ninguém. 


Dedique um tempo para você se cuidar, ir ao cabeleireiro, fazer as unhas, colocar uma roupa que te faça sentir bonita(o), fazer o que você gosta sempre que puder, encontre tempo para você. Talvez depois do banho observar seu corpo nú no espelho e aceitar-se como você é seja uma boa terapia para aprender a gostar mais de si e fazer as pazes com seu corpo, do jeitinho que ele é e se não gosta de algo, veja o que se pode fazer para mudar e estar de bem consigo mesma(o).

Faça algo por você, por sua auto estima e não mude para agradar terceiros ou espere arrumar alguém para começar a se alimentar melhor, a fazer exercícios ou gostar de você, mude por você! 


E quando você se aceitar, verá como tudo ao seu redor muda também e as pessoas te olharão de forma diferente, assim como você olha a si mesma(o). O que você pensa reflete nas pessoas, portanto pense positivo. Sei que não é nada fácil, eu que o diga, mas não é impossível, basta querermos. Eu estou fazendo as pazes comigo mesma e desejo que todos façam o mesmo, não por mim, mas por vocês! 


Beijos X

4 comentários:

HOMOTOON disse...

Aiai, a velha história cuide bem do jardim para atrair as borboletas...

Mas enfim, as vezes parece mais complex que isso. Sei lá, é complicado e a gente tem medo.

Déia disse...

É isso aí!!

Estamos sempre em primeiro lugar!!

bj

CARLA FABIANE... disse...

Olá, Boa Tarde!

Fazendo minha visitinha semanal para desejar uma semana recheada de coisas boas!

Às vezes as coisas dentro de nós

O que nos chama para dentro de nós mesmos
é uma vaga de luz, um pavio, uma sombra incerta.
Qualquer coisa que nos muda a escala do olhar
e nos torna piedosos, como quem já tem fé.
Nós que tivemos a vagarosa alegria repartida
pelo movimento, pela forma, pelo nome,
voltamos ao zero irradiante, ao ver
o que foi grande, o que foi pequeno, aliás
o que não tem tamanho, mas está agora
engrandecido dentro do novo olhar.
beijos...

Meu carinho sempre!

A Flor do Sul - Perah Hadarom disse...

Sheli!

Finalmente consegui comentar! Olha, este texto acho que até hoje é o mais sincero teu aqui no nosso Sac! É algo que as pessoas negligenciam, cuidar de si. Tudo começa por uma mudança de atitude: por quem? Não pelos outros, e sim por nós mesmos!

Tanta independência não poderia vir de outra pessoa, sheli! Lamá at tzabara!

É isso aí! Eu estou aprendendo devagar a me respeitar. Porque a única pessoa no mundo que me conhece bem, depois de Deus, sou eu. Uma coisa que me ajuda a me sentir bem é a música. Se estou triste, venho no rádio ou na Internet e caço algo que me agrade. Não tenho muitas coisas em meu corpo que gostaria de mudar (agora que consegui o cabelo que eu sempre quis, liso e comprido, estou satisfeito, háhá). Mas na alma sim. Queria ser uma pessoa mais forte, e espero conseguir isso com o tempo.