15 de jul de 2010

Mulher Maravilha


Porque será que as mulheres de um modo geral, bem generalizando mesmo,tendem a querer ser a mulher maravilha?


Sim. Isso eu vejo aos montes.

A mulher sempre ouve que é o sexo “frágil”, que “atrás” de um grande homem tem sempre uma grande mulher(agora falam ao lado, e é ao lado mesmo!!!), mas se formos pensar bem mesmo, as mulheres já são desde cedo são programadas para serem “ a mulher, mãe, companheira, a perdoadora.


Enquanto o homem é criado(salvo raras exceções), para ser o pegador, o macho, aquele que é homem por isso é normal trair, sentir “necessidades”com outras.

Confesso sem medo ser um pouco machista até, creio ser de uma criação ainda muito forte nesse sentido. Mas também porque acredito nas diferenças do homem e da mulher e acredito que assim como eu, muitas mulheres gostariam daquele homem mais como antigamente, aquele protetor, aquele que provia, aquele que nos olhava e nos via como frágeis.


Somos muito fortes, admito. Podemos fazer sim mil coisas ao mesmo tempo, trabalhar fora, dar conta da casa, dos filhos, fofocar com as amigas, namorar, sair para uma balada, podemos sim, tudo isso e muito mais!!! Mas como é bom tirarmos a fantasia de “mulher maravilha” e nos deixarmos ser paparicadas, sermos cuidadas. Nos sentirmos “protegidas” por um homem é uma sensação que amo e recomendo. Faz bem de verdade.

Podemos ser a super mulher, mas que eles não saibam que damos conta de todo o recado.

Quantas super mulheres, casadas a anos são trocadas por novatas e que simplesmente nem um ovo fritam?


Claro que não estou dizendo para mulherada deixar de serem mulheres e tudo que a isso implica e serem dondocas simplesmente. Longe disso.

Mas sim para se permitirem. Para se deixar serem cuidadas e assim amadas. Porque não é pra “faz tudo” que eles vão olhar e dar valor, homens tem problemas com isso. Mas aí já é assunto que não acaba mais e fica para um próximo post.






Beijinhos carinhosos






                                                         Madame Infinity


7 comentários:

Jullyana disse...

realmente, não é pra faz tudo que eles olham e sim pra aquelas que verdadeiramente lhe completam...!!
E muitas vezes nos perguntamos, quando por vezes somos trocadas, se o que somos não basta pra eles!?... beleza, inteligência, sagacidade, atividade ... o problema a se questionar não é perguntar s não bastamos pra eles com essas 'qualidades', e sim s bastamos pra nós mesmas a ponto de nos fazermos ser percebidas e verdadeiramente completar o outro!!
=*

Wanderley Elian Lima disse...

Olá
Acho que não existe ninguém super, nem mulheres , nem homens. Existem pessoas com suas peculiaridades e como tal desempenham o seu papel na sociedade.
Beijos

Alyne disse...

Nooossa...tudo muito parecido como penso. Tb acho que precisamos muitas vezes ser cuidadas sim....alguns momentos as pessoas me |"tachavam" e agora me sinto bem em saber sua opoinião tb..rs
Sou forte, destemida..ousada...mas tem momentos que gosto muito que meu amado tome a frente..deixo que ele faça..mesmo que depois eu tenho q colocar um detalhe..rs
Mulher maravilha sim... qdo quisermos vestir essa fantasia!
Bjo grande, Madame Cleópatra.

Debor@h disse...

Madame do céu, um post melhor que o outro, é isso ai, não somos super heróis, somos de carne e osso e mesmo tendo todo o poder e força do mundo, também queremos um colinho de vez em quando, e não devemos ter vergonha de nossos sentimentos, isso não significa que seremos menos ou mais fortes, somos mulheres maravilhosas e não mulheres maravilhas haha. Beijos meus

Déia disse...

Essa nossa mania de ser super, de dar conta de tudo é muuuito ruim...
Primeiro pq acomoda os folgados q ficam esperando a gente dar conta...
E depois pq isso nos esgota!! rsrsrs

mas que acho as mulheres fantásticas, Ah isso eu acho! rs

bj

Sac do Amor disse...

Toda mulher tem seu momento de heroína, de a super tudo.

O importante não é dar conta de todo o recado sempre, e sim fazer as coisas da melhor maneira possível.

Adorei a opinião do Wanderley. Também a leitora Jullyana disse bem, é importante a mulher se bastar a si mesma de vez em quando, e também qualquer pessoa. A Alyne foi sincera na confissão, e quem não está com ela de vez em quando? Assumam!

Beijos do Monsieur.

CARLA FABIANE... disse...

Trago-lhe flores,
Não muitas,
Mas o suficiente
Para florir o jardim
De sua vida.
E que elas perfumem
Seus dias, suas semanas,
Seus segundos, suas horas.
Pedi a elas que ficassem
Sempre lindas,
Para seus olhos sorrirem
E, quando você passar,
Que soprem seus aromas
Para inebriar você...

beijos...