10 de mar de 2010

Arnaldo Jabor!



Olá pessoas queridas!!!
Estamos no meio da semana, quarta feira, para muitos o final de semana começa amanhã!
Para tanto, irei postar hoje aqui no SAC um texto muito bacana do Jabor que fala sobre relacionamentos.
Vamos ler e refletir.

"Relacionamentos - Arnaldo Jabor



Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida.

Detesto quando escuto aquela conversa:

- Ah, terminei o namoro...

- Nossa, estavam juntos há tanto tempo...

- Cinco anos.... que pena... acabou...

- é... não deu certo...

Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.

Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.

Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?

E não temos essa coisa completa.

Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.

Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.

Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.

Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.

Tudo junto, não vamos encontrar.

Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.

Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.

E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...

Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta.

Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer.

Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não.

Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.

O ser humano não é absoluto.

Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama.

Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?

O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós.

Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.

Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?

Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.

E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.

Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.

Na vida e no amor, não temos garantias.

Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear.

E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar...

Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ???"


Destaco, por conta própria, os trechos que julgo mais interessantes e que merecem uma atenção e uma reflexão especial:

"Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores." (Adoooooro ter vários amores!!!)

"Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.

Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.

Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.

Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.

Tudo junto, não vamos encontrar." (É, pessoas, ninguém é perfeito...)

"Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele." (Sensacional! Se você busca carinho, invista num cara carinhoso, se você busca sexo, invista num cara que mande bem na cama...tente sempre destacar as qualidades da pessoa, nunca seus defeitos!)

"E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona...
Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta." (Ninguém merece língua mole, beijo que te deixa inteira babada, beijo de língua SEM língua...)

"Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer." (É triste, mas real. Assistiram o filme "Ele não está tão afim de você!"? Muito interessante)

"Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não. " (As pessoas só fazem conosco aquilo que permitimos que ela faça...portanto, cabe a nós a escolha, sempre!!!)

"Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?" (Nada como amor próprio e muitos, muuuitos PA's -Pintos Amigos-, né?)

"Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível." (Maria Bonita da Penha que o diga...pessoas com MEDO de se envolver são UÓ...tire seu time de campo!!!)

"Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear. " (Isso os homens tiram de letra, e nós, mulheres, estamos aprendendo!).

Após refletir, concluo que relacionamento é algo complicadíssimo.
É algo que existe para nos fazer bem, nos fazer MELHOR.

Até sábado, minha gente!

Um Beijo!!!

Madame Lexi.


3 comentários:

Debor@h disse...

Jabor arrasou no texto que já conhecia. É madame, relacionamentos não vem com garantia, cabe a nós sabermos o que nos convem, mas que é difícil escolher é, pois queremos tudo junto, e não existe ninguém perfeito. Ai ai indecisão é meu nome haha Bjs

Madame disse...

Lindo texto...o relacionamento deu certo ate onde tinha que dar...prazo de validade existe pra tudo.

=)

bjus

Lú Silva disse...

Lexi este texto é perfeito. Amo Jabor!!!
Estou mega emocionada. Acredito no ele disse, mas tenhos meus traumas e tal.

Lindo, lindo... ganhei meu dia!!!